Notícia

Infravermelho revela uma troca de esposa em um livro religioso medieval proeminente

Infravermelho revela uma troca de esposa em um livro religioso medieval proeminente

Algum bom balanço à moda antiga? Photoshopping medieval? Não exatamente, mas os cientistas descobriram algo sobre Francisco I da Bretanha que ele certamente teria preferido manter em segredo. Pesquisadores e cientistas do histórico Fitzwilliam Museum de Cambridge, parte da equipe de curadoria "O toque humano" exposição, notaram que algo estava errado quando examinavam o best-seller cristão medieval, “ As Horas de Isabella Stuart . ” O que notaram foi que uma das pinturas estava “alterada” e que o proprietário havia feito uma troca de esposa, substituindo a primeira esposa pela segunda. Este era um livro religioso, então uma troca de esposa foi, em mais de um aspecto, uma revisão bastante controversa.

As Horas de Isabella Stuart 'Escrito em latim, foi produzido para Yolande de Aragão e concluído no ano de 1431 DC, lindamente pintado em pergaminho (pele de cabra ou vaca), com ouro, tinta e têmpera de ovo. De acordo com The Evening Standard , "É baseado no dia monástico para uso na vida diária."

Um artigo em The Art Newspaper afirma que os pigmentos originais do manuscrito foram analisados ​​através da tecnologia fotográfica infravermelha, revelando que a primeira esposa de Francisco I da Bretanha, Yolande de Anjou (filha de Yolande de Aragão), foi substituída tanto na impressão do livro de orações quanto na vida real, por sua segunda esposa. E essa chamada troca de esposa intrigou pesquisadores e surpreendeu os leitores modernos.

A página do manuscrito, mostrando a Virgem e o Menino, Santa Catarina (extrema esquerda) e Isabella Stuart (com casaco vermelho), a nova noiva. ( Cambridge jornal universitário )

Uma troca de esposa medieval exposta com tecnologia infravermelha moderna

A co-curadora, Dra. Suzanne Reynolds, disse: "algo estava 'errado' e uma 'área mais escura' foi observada em uma página ', então foi decidido usar infravermelho e ver o que estava acontecendo lá."

“Foi quando o sub-desenho foi revelado”, o Dr. Reynolds foi citado pelo Correio diário . “O que eles também fizeram foi adicionar o brasão da segunda esposa nas bordas ao redor do manuscrito.”

  • Um excepcional livro medieval irlandês retorna à Irlanda
  • Bonito, decorativo e às vezes rude: Manuscritos Iluminados e Marginália

No “original” Yolande apareceu como uma pequena figura ajoelhada diante da Virgem Maria em uma página gloriosa e bem ilustrada. Para realizar a troca de esposa, o rosto de Yolande foi pintado com o de Isabella, a segunda esposa. Além dessa alteração, “vestes heráldicas com acabamento em arminho” e a figura de Santa Catarina foram acrescentadas ao fundo.

A tiara ducal de Isabella e a figura de Santa Catarina de uma página do Livro das Horas mostrando como o vermelho na nova imagem era diferente dos vermelhos usados ​​nas imagens originais, revelando assim a troca de esposa. (Katie Young / Museu Fitzwilliam )

Para fazer a troca de esposa parecer realmente autêntica, o brasão de Isabella foi adicionado às bordas do design floral dessa página. O mesmo tom vermelhão de vermelho foi empregado em seu vestido, que diferia do vermelho profundo usado no original, conforme revelado pelos exames infravermelhos.

Embora Isabella estivesse adornada com o cocar de Yolande, na versão de troca de esposa, ele também foi pintado para dar a ela uma coroa de ouro com muitas joias. Isso era sinônimo da sucessão de Francisco de conde a duque, após a morte de seu pai em 1442 DC.

O manuscrito foi alterado novamente para acomodar a primeira filha de seu casamento, Margaret, na forma de uma página extra, e uma ode à Virgem Maria em termos de ajoelhar-se e prostrar-se diante dela em oração.

Pintura de Francisco I da Bretanha por um artista desconhecido. Como duque da Bretanha, ele mandou pintar sua primeira esposa no livro que ela encomendou pela primeira vez, substituindo "ela" por detalhes relativos à sua segunda esposa.

As “Horas de Isabella Stuart” e o Museu Fitzwilliam

Francisco I, conde de Montfort l’Amaury, foi duque da Bretanha de agosto de 1442 a 1450, quando morreu. Sua mãe, Joana da França, era filha do rei Carlos VI da França e seu pai, João V, era o duque anterior da Bretanha.

Ele foi casado com Yolande de Anjou em Nantes em 1431, com quem teve um filho. A esposa e o filho morreram tragicamente na década seguinte, após o que ele se casou com Isabel da Escócia em 1442, com quem teve dois filhos.

As Horas de Isabella Stuart ”É tão historicamente significativo por causa de sua encomenda e apropriação pelos ricos, neste caso, a mãe da primeira esposa do duque Francisco I da Bretanha, que foi um patrono das artes e da cultura. Foi planejado como um presente de casamento para Yolande, que morreu tragicamente no ano de 1440. Foi amplamente reconhecido como uma das obras medievais ilustradas mais bonitas e amplamente decoradas, conhecido por seus fortes tons cristãos e suas 500 pinturas em miniatura parecidas com joias .

“Esses livros, de certa forma, são uma espécie de sítios arqueológicos e quando você começa a descobrir o que está sob essas imagens, isso realmente revela a história humana de como esses livros foram encomendados e depois passados ​​de uma pessoa para outra como a história desses diferentes casamentos e diferentes alianças dinásticas evoluíram ”, disse o Dr. Reynolds.

  • O código do manuscrito Voynich enigmático finalmente foi quebrado?
  • Como duas mulheres roubaram um manuscrito medieval na Alemanha do pós-guerra

Nobre anglo-irlandês, Richard Fitzwilliam de Dublin, que deu nome ao museu de Cambridge, tornou-se o proprietário deste livro até que ele foi passado para o museu após sua morte em 1816.

Os museus " Toque humano ”Exposição abre ao público em 18 de maio e vai até agosto de 2021. E os visitantes podem esperar para ver a incrível esposa medieval trocar o manuscrito em toda a sua glória durante este período.


Tag: Surena

O exército romano era considerado um rolo compressor imparável no mundo antigo, mas a mesa foi virada por um general formidável do Império Parta e táticas devastadoras. Esse confronto levou a uma das derrotas mais esmagadoras da história romana.

Liderando os romanos estava Marcus Licinius Crassus, que era membro do Primeiro Triunvirato e o homem mais rico de Roma. Ele, como muitos antes dele, foi seduzido pela perspectiva de riquezas e glória militar e então decidiu invadir a Pártia.

Liderando os partos estava Surena. Muito pouco se sabe sobre sua formação. O que se sabe é que era um general parta da Casa de Suren. A Casa de Suren estava localizada em Sistan. Sistan, ou Sakastan, “terra dos Sakas”, localizada onde hoje é o sudeste do Irã.

Em 56 aC, Júlio César convidou Marcus Licinius Crassus e Gnaeus Pompeius Magnus para ir a Luca na Gália Cisalpina (Luca é a cidade moderna de Lucca na Itália). César pediu que eles se reunissem para reparar seu relacionamento tenso, que foi estabelecido por volta de 60 aC e foi mantido em segredo do Senado por algum tempo. Durante este evento, uma multidão de 100 ou mais senadores apareceu para fazer uma petição por seu patrocínio soberano. Os homens lançaram sortes e escolheram quais áreas governar. César conseguiu o que queria, o Gália Pompeu obteve a Espanha e Crasso recebeu a Síria. Tudo isso se tornou oficial quando Pompeu e Crasso foram eleitos cônsules em 55 aC.

Crasso ficou encantado porque sua sorte caiu sobre a Síria. Sua grande estratégia e desejo era fazer com que as campanhas de Lúculo contra Tigranes e de Pompeu contra Mitrídates parecessem medíocres. A grande estratégia e desejo de conquista e confisco de Crasso foi além da Pártia, além da Báctria e da Índia, alcançando o Oceano Exterior - mais fácil de imaginar do que de orquestrar.

Impérios Romano, Selêucida e Parta em 200 AC. A República Romana é mostrada em roxo. A área Azul representa o Império Selêucida. O Império Parta é mostrado em amarelo. (CC BY-SA 3.0)


O exército romano era considerado um rolo compressor imparável no mundo antigo, mas a situação foi virada por um general formidável do Império Parta e táticas devastadoras. Esse confronto levou a uma das derrotas mais esmagadoras da história romana.

Liderando os romanos estava Marcus Licinius Crassus, que era membro do Primeiro Triunvirato e o homem mais rico de Roma. Ele, como muitos antes dele, foi seduzido pela perspectiva de riquezas e glória militar e então decidiu invadir a Pártia.

Liderando os partos estava Surena. Muito pouco se sabe sobre sua formação. O que se sabe é que era um general parta da Casa de Suren. A Casa de Suren estava localizada em Sistan. Sistan, ou Sakastan, “terra dos Sakas”, localizada onde hoje é o sudeste do Irã.

Em 56 aC, Júlio César convidou Marcus Licinius Crassus e Gnaeus Pompeius Magnus para ir a Luca na Gália Cisalpina (Luca é a cidade moderna de Lucca na Itália). César pediu que eles se reunissem para reparar seu relacionamento tenso, que foi estabelecido por volta de 60 aC e foi mantido em segredo do Senado por algum tempo. Durante este evento, uma multidão de 100 ou mais senadores apareceu para fazer uma petição por seu patrocínio soberano. Os homens lançaram sortes e escolheram quais áreas governar. César conseguiu o que queria, o Gália Pompeu obteve a Espanha e Crasso recebeu a Síria. Tudo isso se tornou oficial quando Pompeu e Crasso foram eleitos cônsules em 55 aC.

Crasso ficou encantado porque sua sorte caiu sobre a Síria. Sua grande estratégia e desejo era fazer com que as campanhas de Lúculo contra Tigranes e de Pompeu contra Mitrídates parecessem medíocres. A grande estratégia e desejo de conquista e confisco de Crasso foi além da Pártia, além da Báctria e da Índia, alcançando o Oceano Exterior - mais fácil de imaginar do que de orquestrar.

Impérios Romano, Selêucida e Parta em 200 AC. A República Romana é mostrada em roxo. A área Azul representa o Império Selêucida. O Império Parta é mostrado em amarelo. (CC BY-SA 3.0)


Várias pistas nos dizem muito sobre a vida neolítica diária

O trabalho arqueológico realizado em Ain Ghazal também lança luz sobre o modo de vida de seus habitantes pré-históricos. As evidências arqueológicas mostram que os habitantes do local praticavam a agricultura, cultivando cevada, trigo, grão de bico e lentilhas. Além disso, há evidências de que cabras foram domesticadas. No entanto, outras plantas e animais também foram consumidos pelos habitantes de Ain Ghazal.

As evidências mostraram, no entanto, que com o passar do tempo, a dieta dos habitantes do local mudou e ficou limitada aos tipos de safras que plantavam e aos animais que mantinham. Embora Ain Ghazal pertença ao Neolítico Pré-Cerâmica, vestígios da tecnologia da cerâmica apareceram durante as fases posteriores da ocupação do local. Tem sido argumentado que esta tecnologia foi desenvolvida pelo próprio povo de Ain Ghazal, ao invés de ter sido introduzida por estranhos que migraram para o assentamento.

Os artefatos mais enigmáticos de Ain Ghazal são, sem dúvida, as chamadas estátuas de Ain Ghazal. Um total de 32 estátuas de gesso Ain Ghazal foram desenterradas no local, consistindo tanto de estatuetas quanto de bustos de figuras humanas. As estátuas de Ain Ghazal foram descobertas em dois esconderijos, um em 1983 (contendo 26 estátuas) e o outro em 1985 (contendo 5 estátuas). Além disso, uma única cabeça de estátua também foi desenterrada em 1985. O cache de 1983 foi datado por volta de 6.700 aC, enquanto o cache de 1985 foi encontrado para ter sido depositado cerca de 200 anos depois. Portanto, as estátuas de Ain Ghazal estão "entre as estátuas de grande escala conhecidas mais antigas do mundo & # 8217".

Não é de surpreender que as estátuas de Ain Ghazal não sejam as primeiras de seu tipo a serem descobertas na região. Dois outros esconderijos de estátuas foram descobertos por Garstang em Jericho em 1935, enquanto Kenyon desenterrou outro esconderijo de estátuas durante a década de 1950 quando ela estava escavando no mesmo local (Jericho).

As estátuas de Ain Ghazal, no entanto, não eram apenas "mais dois esconderijos de estátuas de gesso". Embora as estátuas desenterradas por Garstang e Kenyon fossem descobertas anteriores, elas estavam em grande parte em fragmentos e não estavam bem preservadas. Em comparação, o estado de preservação das estátuas de Ain Ghazal, com exceção talvez do busto de uma única cabeça, que foi fortemente danificado, é notável.

No caso do cache de 1983, isso se deveu em parte ao fato de que todo o cache foi “bloqueado” e levado para o Instituto de Arqueologia de Londres, onde as estátuas foram escavadas e conservadas imediatamente em um laboratório.

Apenas uma das muitas estátuas de Ain Ghazal atualmente protegidas e protegidas em ambientes de museu. (ALFGRN / CC BY-SA 2.0 )


What Lies Beneath

Quando Claire Spencer começa a ouvir vozes fantasmagóricas e ver imagens assustadoras, ela se pergunta se um espírito de outro mundo está tentando contatá-la. O tempo todo, seu marido tenta tranquilizá-la dizendo que tudo está em sua cabeça. Mas, conforme Claire investiga, ela descobre que o homem que ama pode saber mais do que deixa transparecer.


گوشت مرغ ، صدرنشین جدول افزایش قیمت در اردیبهشت ۱۴۰۰ شد

به گزارش روز چهارشنبه ایرنا, بررسی آمار وزارت صنعت, معدن و تجارت نشان میدهد در یک ماه منتهی به اردیبهشت ماه سال 1400, قیمت هر کیلوگرم گوشت مرغ تازه بهطور میانگین 25 هزار و 96 تومان شد که نسبت به مدت مشابه در اردیبهشت ماه سال 99 با قیمت ۱۱ هزارو ۲۴۳ تومان بیش از ۱۲۳.۲ درصد رشد داشته است.

بنابراین گزارش, قیمت هر کیلوگرم گوشت گوسفندی (مخلوط) بهطور میانگین 130 هزار و 317 تومان شد که نسبت به مدت مشابه اردیبهشت ماه 99 با قیمت 92 هزارو 490 تومان, حدود 40,9 درصد رشد را نشان میدهد.

قیمت هر کیلوگرم گوشت گوساله در اردیبهشت ماه امسال بهطور میانگین 114 هزار و 992 تومان شد که نسبت به مدت مشابه فروردینماه سال 99 با قیمت 75 هزار و 535 تومان, رشد 52,2 درصدی داشته است.

همچنین در اردیبهشت ماه قیمت هر کیلوگرم برنج پاکستانی باسماتی (درجه یک) 24 هزار و 660 تومان, برنج تایلندی (غیر از هومالی) 14 هزار و 326 تومان, برنج طارم اعلاء 35 هزار و 329 تومان و برنج داخلی هاشمی درجه یک 34 هزار و ۵۳ تومان شد که نسبت به مدت مشابه اردیبهشت ماه پارسال به ترتیب حدود ۷۲.۲ درصد ، ۸۶.۲ درصد ،ردیبهشت ماه پارسال به ترتیب حدود ۷۲.

برپایه این آمارها, متوسط ​​قیمت هر کیلوگرم شکر سفید در اردیبهشت ماه سال 1400 حدود 12 هزار و 390 تومان شد که نسبت به مدت مشابه اردیبهشت ماه سال 99 با قیمت هفت هزار و 28 تومان, حدود 76,3 درصد رشد داشته است.

براساس آمارهای وزارت صنعت, معدن و تجارت, در اردیبهشت ماه سال 99 قیمت هر کیلوگرم گوشت گوساله 75 هزارو 535 تومان, گوشت گوسفندی (مخلوط) 92 هزارو 490 تومان, گوشت مرغ تازه 11 هزارو 243 تومان, برنج پاکستانی باسماتی (درجه یک) 14 هزار و 316 تومان, برنج تایلندی (غیر از هومالی) هفت هزار و 695 تومان, برنج طارم اعلاء 24 هزار و 868 تومان, برنج داخلی هاشمی درجه یک 24 هزار و 307 تومان و شکر سفید هفت هزار و 28 تومان بوده است.

بنابراین قیمت فروردین ماه برای هرکیلوگرم برنج پاکستانی باسماتی 24 هزار و 527 تومان, برنج تایلندی (غیر از هومالی) 14 هزار و 335 تومان, برنج طارم اعلاء 34 هزار و 891 تومان, برنج داخلی هاشمی درجه یک 33 هزار و 697 تومان و شکر سفید 11 هزار و 912 تومان, گوشت گوساله 112 هزارو 505 تومان, گوشت گوسفندی (مخلوط) 130 هزارو 677 تومان و گوشت مرغ تازه 24 هزار و 697 تومان بوده است.

مقایسه قیمتی فروردین با اردیبهشت 1400 نشان می دهد که هر کیلوگرم برنج پاکستانی باسماتی 0,5 درصد, برنج طارم اعلاء 1,3 درصد, برنج داخلی هاشمی درجه یک 1,1 درصد, شکر سفید 4 درصد, گوشت گوساله 2,2 درصد و گوشت مرغ تازه ۱.۶ درصد رشد داشته است.

همچنین نوسان قیمتی هر کیلوگرم برنج تایلندی (غیر از هومالی) در مقایسه فروردین با اردیبهشت ماه امسال منفی 0,1 درصد و گوشت گوسفندی (مخلوط) منفی 0,3 درصد است.

برچسب‌ها وزارت جهاد کشاورزی گوشت قرمز گوشت مرغ برنج کاظم خاوازی شکر نرخ تورم


امام رضا (ع) ؛ شخصیتی جامع الشرایط در میان تمام مذاهب اسلامی / دهه کرامت ؛ نمادی برای هم افزایی امت اسلامی

شیخ مسعود راهبر امام جمعه اهل سنت بخش شیبکوه شهرستان بندر لنگه (چارک) در گفتگو با خبرنگار حوزه اندیشه خبرگزاری تقریب با اشاره به اصل کرامت و بزرگواری در سیره امام رضا (ع), این خصیصه بزرگ را عامل مهمی برای تحکیم وحدت امت اسلامی دانست و بیان کرد: گردهمایی ها و گرامی داشتن دهه کرامت می تواند نمادی برای هم افزایی وحدت امت اسلامی و دیگر ملل باشد; حضور مردمانی از ادیان e و مذاهب گوناگون در این ملجا نورانی (حرم مطهر امام رضا (ع)) زمینه مقربدت وحتان.

امام جمعه اهل سنت بخش شیبکوه, افزود: در شرایط اقتصادی کنونی می توان به مقاومت امام در برابر زورگویان و ستمگران عصر خود اشاره نمود و سرلوحه زندگی خود قرار داد; سیره عملی زندگی این امام رئوف که مملو از تقوا, اخلاق, رحمانیت و دیگر فضائل پند آموز است می تواند سرمشق پیروان مذاهب و ادیان قرار بگیرد.

شیخ راهبر ، ادامه داد: از این رو با مشاهدات میدانی ، شاهد سیل عظیم زائران این رئوف به فلذا همگان باید سیره و مکتب این امام عزیز را سرلوحه امورات خود قرار داده و بیداری خود هرادهاباداهاباداهاباداهاباداهاباداهانهادهانهادهادهادهادهادهادهادهادهادهادهادهاده بیداره بدار.

وی عنوان کرد: دشمنان از صدر اسلام تاکنون درصدد ایجاد شکاف میان امت اسلامی و ائمه اطهار بوده اند و با القائات مختلف از طریق رسانه های معاند و ضد اسلامی درصدد تضعیف محبت به اهل بیت (ع) بوده اند.

وی در پایان تاکید کرد: امام رضا (ع) شخصیتی جامع الشرایط در میان تمام مذاهب اسلامی و مورد اتفقن فریه فری وجود با برکت ایشان در ایران اسلامی و ویژگی های بارز و مشهور ایشان در رافت, بخشش, مهربانی و کریم بودن, ایشان را در میان مومنین دارای جایگاهی عظیم قرار داده است. انتهای پیام /


Anúncio importante da Saker!

20 de abril de 2021 Wake Up Fools

Os eventos recentes me forçaram a tomar algumas decisões importantes que devo compartilhar com vocês agora.

Em primeiro lugar, a partir de agora, o blog Saker não publicará nenhum texto ou vídeo das quatro organizações que o Tesouro dos Estados Unidos declarou “veículos de desinformação controlados pelos serviços de inteligência russos”. Estes são:

Quero enfatizar que, em minha opinião, essas organizações não fizeram nada de absolutamente errado e que a acusação é tão falsa quanto todas as outras acusações contra a Rússia desde 2013. Peço, portanto, desculpas a todos eles por terem que tomar esta decisão.

O governo dos EUA, no entanto, pensa o contrário e não é meu papel interferir nessas questões. Por favor entenda isso Eu sou um convidado dos Estados Unidos (um "estrangeiro legal" em sua terminologia) e isso moralmente obriga eu para agir como um convidado e obedecer tudo as atuais leis dos EUA, independentemente da minha avaliação pessoal dessas leis.

Além disso, a partir de agora, Não vou postar artigos ou vídeos que discutam a política interna dos EUA (A política externa dos EUA está bem). Mais uma vez, não é apenas meu papel como convidado estrangeiro interferir na política interna dos Estados Unidos, como o blog da Saker concentra-se principalmente nas relações internacionais.

Além disso, o blog Saker e sua filosofia (veja aqui uma amostra: http://thesaker.is/blogs-philosophy/) sempre foi contra a guerra e contra a violência. Os moderadores sempre interceptaram qualquer tentativa de convocação de violência, mesmo sem a necessidade de uma regra especial sobre isso, isso era senso comum. Eu só quero mencionar aqui que de hoje em diante, mesmo as “sugestões” indiretas ou “engraçadas” para violência, mesmo limitada, de qualquer tipo, serão a partir de agora moderadas de forma ainda mais vigorosa do que antes.

E, finalmente, como estou fazendo uma “limpeza da casa na primavera”, também decidi adicionar uma nova regra às regras de moderação (que podem ser encontradas aqui: http://thesaker.is/moderation-policy/). Este é o texto completo da nova regra:

21) Agora também estou banindo qualquer defesa das seguintes ideologias: 1) Nacional-Socialismo (Nazismo, Fascismo) 2) Wahabismo (takfirismo) 3) Sionismo (rabínico “Judaísmo”, também conhecido como “Fariseísmo”) e 4) Cristianismo latino (papismo, incluindo a propaganda das chamadas "aparições marianas", incluindo a farsa de Fátima). Estes são todos ideologias messiânicas com uma tendência fantástica (e, eu diria, um histórico comprovado) para o engano e a violência. Francamente, considero todos eles de natureza maligna e até demoníaca. A discussão e a crítica dessas ideologias continuam permitidas, mas as tentativas diretas de defesa / propaganda estão de agora em diante proibidas. Os adeptos dessas ideologias são bem-vindos para concluir que eu sou um "tirano censurador" que tem medo de sua "verdade" - isso é muito bom para mim, já que eu realmente não me importo com suas opiniões de qualquer maneira. Se eles não gostarem - deixe-os abrir seus próprios blogs & # x1f642 De agora em diante, qualquer tentativa de espalhar essas ideologias no blog da Saker resultará em 1) o comentário sendo removido e 2) o autor permanentemente banido.

Pode haver alguns entre o leitor que, por quaisquer razões, desaprovarão essas decisões. A eles só posso dizer o seguinte: tenho a profunda convicção de que essas decisões são corretas e de que não tive outra escolha. Lamento se você pensa o contrário.

Finalmente, eu também tenho que proibir comentários sob este anúncio. Novamente, sinto que essa é a coisa certa a fazer, mas não posso discutir isso aqui. Me desculpe por isso.

No entanto, sinta-se à vontade para me enviar um e-mail com quaisquer comentários (razoáveis), objeções ou sugestões (não se preocupe com o e-mail de ódio usual).

Mais uma vez, peço a compreensão de todos para as decisões que tive que tomar e para o fato de que não posso entrar em nenhuma discussão sobre os motivos que me levaram a tomar essas decisões.

Amigos, eu não gosto disso mais do que vocês, mas este é o meu "novo normal" e entrar em profunda negação só vai piorar as coisas.


Rei Cyaxares e suas possíveis origens ancestrais

No antigo iraniano / persa, o nome de Cyaxares é "Hvakhshathra" ou "Uaksatar", bem como "Uksatar", o que é interessante, pois se Cyaxares era um medo, então por que seu nome está no antigo iraniano / persa Hvakhshathra? Hvakh é provavelmente uma tradução do antigo nome iraniano Hakha, que é uma variação da palavra sânscrita Sakha e tanto Sakha quanto Hakha significam Saka, e Saka é outro nome para uma tribo nômade. Agora, shathra, ou hathra, parece ser derivado da palavra satra em sânscrito, que significa "juntos, coletivamente unidos e domínio". Além disso, Hathra em parta significa "cidade ou país". Além disso, considere que shathra / hathra também pode ser uma tradução da palavra persa “shah”, que significa rei. Agora, se olharmos para as outras traduções do nome de Cyaxares - como Uksatar e Uaksatar - observe que seu nome carrega a palavra "satar", que também parece ser uma tradução da palavra "satra". Portanto, é plausível que Cyaxares fosse de descendência Saka / Scythian devido ao seu nome, mas permanece incerto.

O que está prestes a ser apresentado corrige o problema, mas adiciona outra peça ao quebra-cabeça a ser considerada. Antes do nome de Cyaxares ser mencionado no registro histórico, havia um homem com o nome de Sandakkurru / Sandaksatru. Sandakkurru / Sandaksatru era filho de Dugdammi. Dugdammi não foi apenas rei dos Sacae ou Citas, mas também dos Guti - e o termo Guti foi aplicado à região da Média. Agora, por causa disso, o título de Dugdammi sugere que ele era o rei dos Saka (citas) e dos Guti. Se for levado totalmente em consideração, então o fato de que o próprio título Dugdammi é endereçado por poderia sugerir que ele foi rei de um vasto número de citas / cimérios, incluindo aqueles que não eram do mesmo grupo étnico, e que sua casa era em Guti ( Meios de comunicação).

Se assim for, então Sandakkurru / Sandaksatru é um bom candidato para ser o famoso Cyaxares encontrado em Heródoto ' Histórias. No entanto, de acordo com Heródoto, Cyaxares é filho do homem chamado Fraortes. Isso parece improvável, uma vez que não há nenhuma outra informação conhecida sobre o pai de Cyaxares além do que Heródoto documentou para nós. Heródoto diz que Ciaxares invadiu a Assíria, derrotando um de seus exércitos e sitiando Nínive, quando de repente Madyes invadiu a Média em perseguição aos cimérios, e por sua vez acabou lutando contra os medos que estavam apenas defendendo sua terra (na qual eles foram derrotados e perderam seu império. Ciaxares por sua vez suspendeu o cerco a Nínive e voltou para casa apenas para encontrá-la ocupada. Ele, portanto, se submeteu a Madyes, apenas para se tornar seu rei fantoche.

O Palácio Apadana em Persépolis, Irã, escadaria norte (detalhe) - o baixo-relevo aquemênida do século V aC mostra um soldado medo em traje tradicional medo (atrás do soldado persa). (Domínio público)

Agora que examinamos os nomes e os possíveis significados de Cyaxares e Sandakuru / Sandaksatru, parece possível que Cyaxares fosse filho de Dugdammi. Eu acredito que há uma conexão entre os dois como sendo a mesma pessoa, e eu tenho mais um nome que pode ser a pedra angular na ligação dos dois nomes e esse nome é: “Shaushatra”. O nome Shaushatra é considerado um outro nome para Cyaxares. Observe as semelhanças entre Shaushatra e Sandaksatru. Ambos os nomes parecem iguais, foneticamente. Portanto, é possível que, uma vez que Madyes estava morto, Sandaksatru / Shaushatra foi capaz de retomar seu antigo reino e, portanto, foi nomeado Hvkhashathra, que soa mais como um título do que um nome. No entanto, isso é mera especulação e Heródoto pode estar certo. No entanto, uma alternativa foi fornecida e deve ser considerada e investigada mais detalhadamente.


Referências

Thomas J. Craughwell, A ascensão e queda do segundo maior império da história: como os mongóis de Genghis Khan e # 8217s quase conquistaram o mundo (Beverly, Mass: Fair Winds Press, 2010).

Timothy May, As conquistas mongóis da história mundial (Londres: Reaktion Books, 2012).

Timothy May, A Arte da Guerra Mongol: Chinggis Khan e o Sistema Militar Mongol (Yardley, Penn: Westholme, 2007).

Richard D. McCreight, Épico do guerreiro mongol: Mestres da guerra de manobras do século XIII (Fort Leavenworth, KS: Escola de Comando e Estado-Maior do Exército dos EUA, 1983).

Marco Polo, O Livro de Ser Marco Polo, o Veneziano: Sobre os Reinos e Maravilhas do Oriente. Volume 2 editado e traduzido por Henry Yule. 3ª edição (Londres: J. Murray, 1929).

Michael Prawdin, O Império Mongol: sua ascensão e legado (Londres: G. Allen and Unwin, 1961).

George Vernadsky, A History of Russia, Vol 3 (New Haven e London: Yale University press, 1953).

Tracy, Larissa. Feridas e reparação de feridas na cultura medieval. Leiden: Brill, 2015.


Assista o vídeo: Cantora e influenciadora digital vivem novas experiências no Troca de Esposas (Outubro 2021).