Livros

Por que a Idade Média é importante: luz medieval sobre a injustiça moderna

Por que a Idade Média é importante: luz medieval sobre a injustiça moderna

Por que a Idade Média é importante: luz medieval sobre a injustiça moderna

Editado por Celia Chazelle, Simon Doubleday, Felice Lifshitz, Amy G. Remensnyder

Routledge, 2012
ISBN: 978-0-415-78065-0

Descrição do editor: a palavra "medieval" costuma ser usada de forma negativa ao falar sobre questões contemporâneas. Por que a Idade Média é importante atualiza nosso pensamento sobre esta era histórica e a nossa, ao olhar para algumas preocupações urgentes do mundo de hoje, perguntando como essas questões eram realmente tratadas no período medieval e mostrando por que o passado é importante agora. Os contribuintes aqui cobrem tópicos como tortura, casamento, sexualidade, prisão, refugiados, pobreza, trabalho, a condição da mulher, deficiência, raça, liderança política e cuidados ao fim da vida. Eles se concentram em uma variedade de regiões, do Norte da África e Oriente Médio, passando pela Europa Ocidental e Central, até as Ilhas Britânicas.

Esta coleção desafia muitos estereótipos negativos de pessoas medievais, revelando um mundo a partir do qual, por exemplo, muito poderia ser aprendido sobre como cuidar das necessidades espirituais dos moribundos e sobre a integração de prisioneiros na comunidade mais ampla através de uma ênfase na reconciliação entre a vítima e o criminoso . Ele representa um novo nível de envolvimento com questões de justiça social por parte dos medievalistas e fornece uma maneira altamente envolvente de estudar a Idade Média. Todos os ensaios são escritos de forma a serem acessíveis aos alunos, e cada um é acompanhado por uma lista de leituras posteriores.

Artigos

1. Crime e Castigo: penalizar sem prisões, por Celia Chazelle
2. Social Deviancy: a medieval approach, de Guy Geltner
3. Fim da vida: ouvindo os monges de Cluny, de Fred Paxton
4. Casamento: casais medievais e os usos da tradição, de Ruth Mazo Karras
5. Mulheres: O Código Da Vinci e a fabricação da tradição, de Felice Lifshitz
6. Homossexualidade: Agostinho e o armário cristão, de Mathew Kuefler
7. Escândalo Sexual e o Clero: um projeto medieval para o desastre, por Dyan Elliott
8. Trabalho: insights de um mosteiro medieval, por Martha Newman
9. Deficiência ?: perspectivas sobre a diferença corporal no Oriente Médio, por Kristina Richardson
10. Corrida: o que a livraria escondeu, de Maghan Keita
11. Refugiados: vistas da França do século XIII, por Megan Cassidy-Welch
12. Tortura e Verdade: O fantasma de Torquemada, de Amy Remensnyder
13. Justiça de Classe: por que precisamos de um Dia Wat Tyler, de Peter Linebaugh
14. Liderança: por que temos espelhos para príncipes, mas nenhum para presidentes, por Geoff Koziol

Avaliações

Glenn W. Olsen - “O objetivo do presente livro é envolver o leitor contemporâneo, mostrando como várias coisas consideradas injustas hoje foram tratadas por nossos predecessores medievais.” Veja a análise completa da The Medieval Review


Assista o vídeo: A Idade Média: Trevas? (Dezembro 2021).