Podcasts

Nicolette: travesti de ação, ou quem e o que é a heroína de Aucassin et Nicolette?

Nicolette: travesti de ação, ou quem e o que é a heroína de Aucassin et Nicolette?

Nicolette: travesti de ação, ou quem e o que é a heroína de Aucassin et Nicolette?

Kathleen O’Neill

Academia.edu:Artigo da Conferência MEDATS, outono (2013)

Resumo

As primeiras linhas da história de Aucassin e Nicolette sugerimos que é um romance típico da corte, mas à medida que a história se desenrola, descobrimos que não é tão simples. A ambiguidade reside principalmente na pessoa de Nicolette. Embora tenha nome francês, é sarracena, comprada como escrava, batizada e criada como afilhada pelo visconde de Beaucaire. Ela é vista com grande suspeita pelos pais de seu amor, Aucassin, e seu pai a ameaça de morte se ela não for removida da situação. Posteriormente presa, Nicolette não espera por Aucassin para resgatá-la, mas desce de sua prisão na torre e vai em busca dele. Quando ele a desaponta, ela sai por conta própria, fugindo para a floresta, onde põe em ação seu plano de se reunir com Aucassin. Suas aventuras e escolhas subsequentes vêem sua identidade e mudança de gênero necessárias para se adequar à situação em que ela se encontra, e no final ela e Aucassin, seus pais tendo morrido e eles tendo sido respectivamente descobertos como princesa sarracena e elevados ao posto de Conde, case-se.

Neste artigo, usei o antigo francês moderno Aucassin et Nicolette, editado e traduzido por Jean Dufournet (GF Flammarion, 1984), e a tradução em inglês de Francis William Bourdillon (Londres: Kegan Paul, Trench, Trubner & Co, 1908), que está disponível no Project Gutenberg. O manuscrito original (MS.FR.2168) está guardado na Bibliothèque Nationale de France e é uma compilação de textos medievais, incluindo obras de Marie de France e a cantifable anônima de Aucassin e Nicolette, o único exemplo sobrevivente de seu gênero. Estima-se que data do último quarto do século XII ou da primeira parte do século XIII. Você pode se perguntar, o que é um travesti de ação?


Assista o vídeo: Fritz Kreisler - Aucaussin et Nicolette (Janeiro 2022).