Podcasts

Novos livros medievais: das paredes à segunda guerra mundial

Novos livros medievais: das paredes à segunda guerra mundial

Walls: A History of Civilization in Blood and Brick

Por David Frye

Scribner
ISBN: 978-1-5011-7270-0

Trecho: Qual a importância das paredes na história da civilização? Poucos povos civilizados já viveram fora deles. Já no décimo milênio aC, os construtores de Jericó cercaram sua cidade, a primeira do mundo, com uma muralha. Com o tempo, o urbanismo e a agricultura se espalharam de Jericó e Levante para novos territórios: Anatólia, Egito, Mesopotâmia, Bálcãs e além. Paredes inevitavelmente seguiram.

A Sempre Nova Língua - Em Tenga Bithnúa: O Texto no Livro de Lismore

Traduzido por John Carey

Brepols
ISBN: 978-2-503-57929-0

Trecho: O texto conhecido como In Tenga Bithnua (a língua sempre nova) se compromete a dar conta de todo o universo: tudo o que está contido no tempo e no espaço, e Deus em sua relação com ele. É a obra mais ambiciosa que sobreviveu nas literaturas do irlandês antigo e médio, e a grandeza de seu tema é acompanhada pela extravagância visionária de seu estilo.

Mulheres na China Medieval

Por Bret Hinsch

Rowman e Littlefield
ISBN: 9781538117965

Trecho: A sociedade e a cultura do início da Idade Média também passaram por muitas outras mudanças, marcando-o como um período de rápida transição. Esse contexto dinâmico condicionou muitos aspectos da vida feminina. A queda de Han trouxe ruptura e incerteza, e as mulheres buscaram maneiras de prosperar em meio a mudanças nas circunstâncias. Para avaliar como as mulheres do início da Idade Média viviam, o que queriam e como se entendiam, o historiador deve determinar como elas se encaixam no intrincado mosaico social da complicada era da divisão.

The Rise and Fall of British Crusader Medievalism, c.1825-1945

Por Mike Horswell

Routledge
ISBN: 978-138-29675-6

Trecho: Começando com a ascensão do medievalismo cruzado nas asas do renascimento medieval do século XIX, os capítulos seguintes traçarão o uso e a reutilização das cruzadas até o final da Segunda Guerra Mundial. O livro está dividido em duas partes: a primeira irá considerar os fundamentos do medievalismo cruzado britânico nas eras vitoriana e eduardiana, a fim de contextualizar seu emprego.

Snorri Sturluson e Reykholt: o autor e magnata, sua vida, obras e meio ambiente em Reykholt, na Islândia

Editado por Guðrún Sveinbjarnardóttir e Helgi Þorláksson

Museum Tusculanum Press
ISBN: 978-87-635-4612-6

Trecho: Reykholt em Borgarfjordr é provavelmente mais conhecido por seu ocupante do século XIII, o autor e chefe Snorri Sturluson (d.1241). Ele e o lugar em que escolheu viver juntos constituem o foco deste livro. Era um local importante como sede dos chefes, Godar, que também eram padres, antes de sua chegada lá no início do século XIII.


Assista o vídeo: BOOK HAUL - MÊS DOS LIVROS MEDIEVAIS! (Janeiro 2022).